sexta-feira, 9 de abril de 2010

A VOZ DE SCHUMANN

ADELIA ISSA - Soprano
RICARDO BALLESTERO - Piano

Neste ano em que se comemora os 200 anos de nascimento de Robert Schumann (1810-1856), muitas de suas composições estão sendo apresentadas pelo seu grande valor intrínseco. No entanto, é importante observar também a sua obra em um contexto mais amplo, e verificar a influência que Schumann sofreu e exerceu no tempo e no espaço. É justamente esta a proposta deste programa, que está estruturado de forma a destacar pessoas e situações importantes na trajetória do compositor.
Schumann compôs a maior parte de suas canções no ano de 1840, conhecido como o "Ano da Canção" - são deste período os seus grandes ciclos: Dichterliebe, Frauenliebe und Leben, e os Liederkreis, entre outros. Robert e sua esposa, Clara Wieck Schumann, grande pianista e também compositora, escreveram um ciclo de canções em conjunto, Liebesfrühling, e duas delas fazem parte deste programa. O recital traz ainda uma obra interessante e pouquíssimo executada, um Melodrama, que é um texto recitado sobre música - aqui traduzido para o português - e obras de autores que foram muito próximos ao compositor, Felix Mendelssohn e Johannes Brahms. Incluidos no repertório estão também 4 peças para piano solo do ciclo Waldszenen. Robert Schumann foi muito admirado por compositores de seu país e também estrangeiros, em sua época e em gerações posteriores, que lhe prestaram homenagens, como o americano Charles Ives, ou que foram por ele influenciados, como é o caso do brasileiro Alberto Nepomuceno.

PROGRAMA

ANO DA CANÇÃO - 1840
- Mit Myrten und Rosen (Heinrich Heine)
- Seit ich ihn gesehen - de Frauenliebe und Leben (Adelbert von Chamisso)
- Schöne Fremde - de Liederkreis, op. 39 (Joseph von Eichendorff)

ROBERT E CLARA
de Liebesfrühling (Friedrich Rückert)
- Liebst du um Schönheint
- Er ist gekommen

MELODRAMA
- Linda Menina (Friedrich Hebbel - tradução livre de Adélia Issa)

PIANO SOLO
Quatro peças de Waldszenen, op. 82
- Eintritt
- Jäger auf der Lauer
- Freundliche Landschaft
- Abschied

OS AMIGOS
FELIX MENDELSSOHN
- Suleika (Marianne von Willemer)
JOHANNES BRAHMS
- Unbewegte laue Luft (Georg Friedrich Daumer)
- Botschaft (Hafiz/Daumer)

HOMENAGENS E INFLUÊNCIAS
CHARLES IVES
- Ich grolle nicht (Heinrich Heine)

ALBERTO NEPOMUCENO
- Der wunde Ritter (Heinrich Heine)
- Sehnsucht nach Vergessen (Nicolaus Lenau)
Postar um comentário