segunda-feira, 10 de maio de 2010

Voz Ativa se lança com produção própria em São Paulo

Embora nos últimos anos tenhamos apresentado por diversas ocasiões nosso trabalho na cidade de São Paulo, sempre que o fizemos foi por intermédio de contratos ou convites.
Já na cidade onde se localiza nossa sede, trabalhos culturais não recebem nenhum apoio do poder público municipal e, por conseqüência, todos os trabalhos que apresentamos no Teatro Municipal de Osasco foram produção própria e, dado a seriedade com que nos dedicamos aos nossos projetos, os sucessivos trabalhos ali apresentados fizeram com que cultivássemos bom público nesta região.
No entanto, São Paulo se configura grandiosa em todos os aspectos, inclusive e principalmente no que diz respeito a oferta de espetáculos culturais. São Paulo hoje faz parte do roteiro turístico internacional de arte. Tal característica tornou o consumidor de arte daquela cidade altamente exigente e rigoroso em seu nível critico, o que faz com que trabalhos que não possuam nível técnico/artístico condizente com esta realidade tenham pouca ou nenhuma receptividade.
Aceitar o desafio de enfrentarmos este exigente mercado com uma produção própria foi, talvez, ousadia de nossa parte, mas no decorrer de nossa trajetória aprendemos que a ousadia é um dos quesitos que promove o alcance de objetivos. Embora tenhamos trabalhado muito, não estávamos seguros que conseguiríamos o que tínhamos como meta e, para tornar as coisas ainda mais difíceis, no último dia 08 de maio, sábado passado, quando às 20H30 faríamos o lançamento de nosso cd “Spiritual” em São Paulo, no final da tarde uma chuva chata e persistente começou a cair sobre a cidade e não mais parou até tarde da noite.
Não há nada mais gratificante do que entrar no palco e ver a casa cheia, até para nós que trabalhamos duro para que isto acontecesse foi uma agradável surpresa esta constatação. Durante nossa apresentação percebemos que muitos chegaram atrasados por conta da chuva, terminamos nossa apresentação com a casa lotada (cadeiras extras)
Sabemos que temos que melhorar (sempre) a fim de atender este exigente público, mas estamos encorajados a fazê-lo dado ao bom resultado da primeira produção própria nesta concorrida cidade. Obrigado a todos que promoveram mais esta vitória ao Voz Ativa e, principalmente, obrigado ao nosso ainda pequeno público paulista. Nosso compromisso é fazer com que sempre valha a pena estar com a gente.


Ricardo Barbosa
Regente
Postar um comentário