segunda-feira, 13 de maio de 2013

Concurso da Nasa pode levar seu nome e criatividade para uma missão no planeta vermelho. Poetas de Marte



Ao longo dos séculos, muitos poetas já contaram a beleza da Lua, a vitalidade do Sol e a imensidão da Via Láctea e do Universo. Mas e Marte? Nosso vizinho vermelho nunca esteve entre os temas preferidos dos artistas. Mas um concurso da Nasa pode mudar isso: a agência espacial norte-americana vai enviar três poemas a bordo da sua próxima missão a Marte, que parte em novembro, além dos nomes de todos aqueles que se registrarem no site da iniciativa. A nova sonda vai orbitar o planeta para estudar sua atmosfera superior e buscar mais pistas sobre seu ambiente ancestral. 
As criações precisam estar em inglês e a métrica não é livre: só serão aceitos haicais, composições de origem japonesa de três linhas, com cinco, sete e cinco sílabas, respectivamente
A iniciativa intitulada 'Going to Mars' (Indo para Marte, em tradução livre) vai receber inscrições de poemas até o dia 1 de julho, enviados de qualquer parte do planeta. No entanto, as criações precisam estar em inglês e a métrica não é livre: só serão aceitos haicais, composições de origem japonesa de três linhas, com cinco, sete e cinco sílabas, respectivamente. A escolha dos haicais, segundo Stephanie Renfrow, coordenadora da campanha promovida pela Universidade do Colorado, se deve à popularidade do gênero nos Estados Unidos, à sua simplicidade e ao seu tamanho.
A escolha dos vencedores será feita por meio do voto popular, num concurso on-line de duas semanas que começa em 15 de julho. As três composições escolhidas serão levadas em um DVD a bordo da Mars Atmosphere and Volatile Evolution (Maven). Além delas, também está sendo escolhida uma ilustração para integrar a missão: os trabalhos concorrentes foram apresentados por estudantes de 5 a 17 anos de todo o mundo e selecionados em votação on-line encerrada na segunda-feira (6/5) – no próximo dia 20 o resultado será divulgado.
Mas se você não estiver com sua veia poética assim tão criativa, não se preocupe: ainda é possível fazer parte dessa nova missão. Basta entrar no site da campanha e inscrever seu nome: os registros também estarão no DVD que será levado pela sonda. Além disso, todos os inscritos receberão um certificado virtual oficial de agradecimento pelo envolvimento na missão exploratória.
Renfrow: “Com essa ação, queremos estimular pessoas de todo o mundo a se conectar com o espaço, com a exploração espacial e com a ciência”
“Com essa ação, queremos estimular pessoas de todo o mundo a se conectar com o espaço, com a exploração espacial e com a ciência”, afirma Renfrow. “Nosso objetivo é promover a interação entre ciência e literatura e estimular a criatividade no público em geral, da mesma forma que a primeira fase da campanha fez entre os estudantes." Até o momento, já foram registrados mais de 10 mil nomes e quase cinco mil poemas. 
O objetivo da Maven será explorar pela primeira vez a atmosfera superior do planeta vermelho e buscar novas pistas para compreender o processo de desaparecimento da água na sua superfície. Prevista para ser lançada em novembro, a sonda deve atingir seu destino final em outubro de 2014 e realizar suas investigações por um período que pode variar de um a seis anos. Depois de cumprir sua missão, a Maven – com desenhos, poemas e nomes – será destruída ao penetrar a atmosfera de Marte. 

Postar um comentário