segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Hoje - Meninos Cantores de St. Thomas e Orquestra Bach Gewandhaus encerram temporada do Mozarteum

Nos dias 26 e 27 de outubro, o coral dos Meninos Cantores da Igreja de St. Thomas e a Orquestra Bach Gewandhaus, duas tradicionais instituições culturais da cidade de Leipzig, realizam duas únicas apresentações na Sala São Paulo. A regência é de George Christoph Biller. Os concertos encerram a série de oito atrações promovidas pelo Mozarteum Brasileiro este ano.
A igreja luterana de St.Thomas, onde o mestre do barroco Johann Sebastian Bach trabalhou por 27 anos como Kantor (diretor musical), tem uma tradição de 800 anos de canto coral. Pela Orquestra Bach Gewandhaus, fundada há mais de 250 anos, passaram diretores musicais da estatura de Felix Mendelsshon-Bartholdy, Arthur Nikisch, Wilhelm Furtwängler, Franz Konwitschny e Kurt Masur.
O repertório das duas noites é todo dedicado à Missa em si menor BWV 232, grandiosa obra de Bach com duas horas de duração. A missa começou a ser escrita em 1724, mas só recebeu sua forma final em 1749. Ao contrário de suas outras obras sacras, sempre com texto em alemão, Bach concebeu esta missa em latim, o que fez com que ficasse conhecida como “Missa latina”. O compositor não deu um título à obra, inserindo na partitura apenas o título de cada uma das partes – Kyrie, Gloria, Simbolum Nicenun (Credo) e Sanctus, Hosana, Benedictus, Agnus Dei. As diferentes seções têm diferentes números e arranjos de intérpretes, levando à teoria de que Bach jamais teria esperado que a obra fosse toda executada numa única audição.
Postar um comentário