quinta-feira, 19 de maio de 2011

Orquestra Juvenil da Bahia se apresenta com Lang Lang em Londres



Com menos de quatro anos de existência, a Orquestra Juvenil da Bahia, grupo que é resultado do Programa Neojiba (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia) – idealizado e dirigido pelo pianista e maestro Ricardo Castro –, fez uma turnê pela Europa em 2010 e agora, no próximo sábado, dia 21 de maio de 2011, se apresenta no Royal Festival Hall de Londres com o pianista chinês Lang Lang.
O concerto faz parte do projeto “Lang Lang Inspires”, promovido pelo Southbank Centre, e o convite foi feito após o sucesso da primeira apresentação da orquestra em Londres no ano passado, durante o Brazil Festival.
Com apenas 28 anos, Lang Lang foi citado pela revista Time como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo. Considerado um astro pop da música clássica, Lang Lang se apresentou na abertura das Olimpíadas de Pequim em 2008 e no mesmo ano foi nomeado pela Recording Academy como Embaixador Cultural da China.
Neste concerto, a direção ficará a cargo do maestro venezuelano de 17 anos Ilyich Rivas, que regerá um repertório composto pela suíte O Pássaro de Fogo de Stravinsky, Rhapsody in Blue de Gershwin, Fontes de Roma de Respighi e o Concerto para piano nº 2 de Chopin, com Lang Lang como solista. No bis, já soubemos que Lang Lang tocará Tico-Tico no fubá, de Zequinha de Abreu.
Segundo Ricardo Castro, o grupo já tem agendado para o segundo semestre concertos no Victoria Hall de Genebra e na abertura do Festival Young Euro Classic no Konzerthalle de Berlim.
nsaio Aberto




Revista Concerto
Postar um comentário