terça-feira, 5 de março de 2013

Tom Zé: faixas do novo disco para download e uma releitura da Tropicália



O músico baiano traz duas faixas do novo disco para download e faz uma releitura da Tropicália
Na década de 60, a Tropicália foi música e política. Nos versos de Tom Zé, ao lado de Gilberto Gil e Caetano Veloso, lutava-se por uma arte de mudanças revolucionárias em meio ao sistema opressor da Ditadura Militar.
Mais de 40 anos depois, Tom Zé aparece, de novo, com outra ideia para confundir e esclarecer: o conceito de “Lixo Lógico”, nome do novo disco independente, com duas faixas para download neste link:

 http://www.naturamusical.com.br/tom-ze-duas-musicas-para-baixar

A teoria, desenvolvida pelo próprio músico, alega as consequências da mistura do sangue mouro (tomado pela emoção) com o pensamento aristotélico aprendido na escola (tomado pela razão).
Toda lógica da fusão do oriente com o ocidente (descendência moura) agora era descartada e tinha seus valores armazenados no hipotálamo (região do encéfalo responsável pela expressão emocional).
“Tropicália Lixo Lógico” traz, novamente, o conceito daquela época em que a música era o principal meio irracional de reafirmar nossas origens. Aproveite para ouvir, pensar e não pensar sobre as faixas “Tropicalea Jacta Est” e “Capitais e Tais” no site da Natura e esperar pelo CD, na íntegra, com as participações de Emicida, Rodrigo Amarante, Pélico e Mallu Magalhães.

Postar um comentário