quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Inscrições abertas para XI Mostra de Dança de Salão de Florianópolis Baila Floripa 2012


Está aberto o período de inscrição para academias, bailarinos, companhias, escolas e grupos, profissionalizados ou não, do Brasil e do exterior, interessados em se apresentar na XI Mostra de Dança de Salão de Florianópolis – Baila Floripa 2012. O evento será realizado pela Associação Catarinense de Dança de Salão (Acads), de 28 de abril a 1° de maio, no Teatro Governador Pedro Ivo.
Cada grupo ou bailarino pode inscrever, no máximo, três coreografias. A quantidade de componentes é ilimitada, mas não é permitida a participação dos mesmos integrantes em grupos diferentes. Menores de 18 anos necessitam autorização escrita pelo pai, mãe ou responsável. Aos selecionados não residentes na Grande Florianópolis será fornecido alojamento durante os quatro dias do evento.
As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até 1° de março por meio do site www.bailafloripa.com.br, onde estão disponibilizados regulamento, ficha de inscrição e demais informações. Uma comissão selecionadora composta por três reconhecidos profissionais da área avaliará a qualidade técnica, artística e a criatividade das coreografias. O resultado será divulgado dia 12 de março, no mesmo site.
Paralelamente à exibição de atrações selecionadas e convidadas no palco do Pedro Ivo, estão programados cursos com professores brasileiros e estrangeiros, bailes e concurso de duplas no Majestic Palace Hotel. Segundo a presidente da Acads, Aline Menezes, “realmente, é um diferencial para aqueles que admiram a arte da dança. Além de ser um dos maiores festivais do País no gênero, reúne em um único evento a dança de salão social, que acontece nos bailes, a acadêmica, durante os workshops, e a artística, com lindos espetáculos no teatro”.
O Baila Floripa não tem caráter competitivo e seu objetivo é valorizar a arte da dança de salão, proporcionando a troca de experiências entre bailarinos profissionais e amadores, como também a apresentação de seus trabalhos. “Em 2011, entre todas as atividades, participaram cerca de quatro mil pessoas. Todos os anos, o público de diversas partes do País espera ansioso pela chegada do evento e, a cada nova edição, recebemos grupos de outras nacionalidades”, observa Aline.
Postar um comentário