segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Orquestra Buena Vista Social Club em turnê pelo Brasil

Em turnê pela América Latina, orquestra cubana passa pelas cidades de São Paulo, Porto Alegre, Curitiba, Rio de Janeiro, Novo Hamburgo e Paraty. A perfomance ao vivo da Orquesta Buena Vista Social Club tem sido elogiada pela imprensa de todo o mundo.
Buena Vista Social Club lançou um único álbum de estúdio, produzido por Ry Cooder, em 1997 e alcançou sucesso imediato. A obra, composta por uma reunião de músicos cubanos veteranos, foi impulsionada pelo aclamado documentário de Wim Wenders e mais tarde por uma série de turnês internacionais e álbuns dos músicos participantes do projeto. Buena Vista Social Club tornou-se um fenômeno.
A perfomance ao vivo da Orquesta Buena Vista Social Club tem sido elogiada pela imprensa de todo o mundo. No Reino Unido, o comentário é por “tirar o ar a ponto de deixar sem fôlego” (The Independents), deixando o público “impressionado” (Financial Times). Na vanguarda do grupo, quatro músicos que serão reconhecido a partir do filme Buena Vista Social Club: o trompetista Guajiro Mirabal, o virtuoso Laud Barbarito Torres, o trombonista Jesus “Aguaje” Ramos, e o guitarrista / tecladista Manuel Galbán. A nova geração de músicos cubanos é representada por talentos como o renomado vocalista Carlos Calunga e virtuoso pianista Rolando Luna.
Ingressando neste novo e ampliado line-up, a cantora cubana Omara Portuondo, membro do original Buena Vista Social Club, cuja gravação de 2008 “Gracias” (World Village / Montuno) ganhou um Grammy Latino e garantiu uma Indicação ao Grammy. Portuondo canta em Cuba desde que era adolescente, em 1940, mas como publicado no artigo de The New York Times sobre ”Gracias”, os anos não fizeram nada para mitigar seu talento vocal: “Sua voz … é rica, bem torneada, dinâmica e ainda sensual.” The Los Angeles Times descreveu sua voz como “um instrumento ágil, formidável e emocionalmente potente”, enquanto o Oakland Tribune chamou “Gracias” de um dos melhores registros de 2008, observando que “seu show de 100 minutos em San Francisco [em Outubro de 2009] mostrou que ela é um talento ainda maior no palco. “
O som do trompete peculiar e cheio de personalidade de Guajiro Mirabal lhe rendeu o apelido de “A trompeta de Cuba”, e seu trabalho “Buena Vista Social Club Presents Manuel Guajiro Mirabal” foi nomeado para o GRAMMY e GRAMMY Latino.
Line-up:
Omara portuondo – vocais solo
Guajiro Mirabal – Trompete
Jesus Aguaje Ramos – MD, Trombone, vocais
Pedro Pablo – Contrabaixo
Rolando Luna – piano
Papi Oviedo – Três
Idania Valdés – vocal e percussão menor
Carlos Calunga – vocal
La Noche – Bongôs
Filiberto Sanchéz – Timbales
Angel Terry – Congas
Luis Alemany – Trumpete
Guajiro Mirabal – Trompete
ais informações em www.buenavistasocialclub.com
Confira datas e locais da turnê no Brasil:
20/10 – São Paulo – HSBC Brasil
21/10 – Porto Alegre - Teatro Bourdon
22/10 – Curitiba - Teatro Positivo
30/10 – Rio de Janeiro – Vivo Rio
01/11 – Novo Hamburgo – Teatro Feevale
04/11 – Paraty – Praça da Matriz
Postar um comentário