segunda-feira, 21 de março de 2011

Sinfônica Nacional interpreta obras que homenageiam Brasília

Tendo como seu novo regente titular o violinista Cláudio Cohen, a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro, em Brasília, dá início a mais uma temporada. O primeiro concerto do mês, no dia 22, terá Brasília – episódio sinfônico, de Fernando Morais, a Sinfonia Brasília, de José Guerra-Peixe, e as Quatro últimas canções, de Richard Strauss, com solos da soprano Denise Tavares.
A regência será de Cláudio Cohen, que também dirige a orquestra na semana seguinte, dia 29, quando serão tocadas três obras do compositor que empresta seu nome ao teatro em que está sediada a orquestra: Cláudio Santoro, um dos mais importantes autores brasileiros do século XX. Após Impressões de uma usina de aço, o Concerto para piano nº 3 será interpretado com solos de Alessandro Santoro, filho do compositor.
Encerra a récita a Sinfonia nº 7, “ Brasília”.

Ambos os concertos têm entrada franca.
Postar um comentário