quarta-feira, 14 de setembro de 2011

ACORDES DA AMAZÔNIA LEVA MÚSICA POPULAR ORQUESTRADA A ROLIM DE MOURA

ACORDES DA AMAZÔNIA LEVA MÚSICA POPULAR ORQUESTRADA

25 DE SETEMBRO – ALTA FLORESTA D´OESTE

22 DE SETEMBRO – PORTO VELHO

Uma noite cultural, por meio da apresentação da Musica Popular Brasileira orquestrada, marcou a população de Rolim de Moura na ultima quinta-feira, que prestigiou no Teatro Municipal Francisca Verônica de Carvalho o projeto Acordes da Amazônia, por meio do Quarteto de Cordas Arcos da Amazônia. Para assistir ao concerto bastava levar um produto de limpeza ou higiene pessoal, destinados a duas Instituições de caridade do município.

Mais que apenas uma orquestra, o maestro Rafael Fontinele, juntamente com o grupo, proporcionou à plateia, formada por estudantes, educadores, empresários e autoridades públicas, a oportunidade de conhecer um pouco mais dos instrumentos utilizados pelo quarteto e os sons emitidos individualmente por cada um deles, algo distinto em apresentações orquestradas. “Na verdade foi uma forma didática que desenvolvemos para despertar nas pessoas o interesse pela música orquestrada.

 Sentir a interação do público, é sem dúvida nosso maior presente”, disse o maestro, no encerramento da apresentação, bastante aplaudido e elogiado por quem acompanhou o concerto. O quarteto é composto pelos músicos Rafael Fontinele, Rodolfo Fontinele, Laudinéia Souza e Jaqueline Azevedo.

Entre as canções tocadas estavam: A casa – de Toquinho, Romaria – Renato Teixeira, Eu sei que vou te amar – Tom Jobim, Assum Preto – Luiz Gonzaga, Trenzinho Caipira – Heitor Villa Lobos e Trem das Onze – Adoniram Barbosa.

Esta é a terceira apresentação do projeto, afiançado pela Fundação Nacional de Artes – Funarte, por meio do Banco da Amazônia, e idealizado pela pedagoga Ivone Kerber, em conjunto com a Associação das Famílias, Educadores e Educandos de Rolim de Moura (Afeerm) e o Quarteto de Cordas Arcos da Amazônia – dirigida pelo maestro Rafael Fontinele, de Ji-Paraná, que já estiveram em Nova Brasilândia D’Oeste e em Alto Alegre dos Parecis, aproximando a população do interior de Rondônia de atividades culturais bastante apreciadas em grandes centros. “É incrível como a nossa região é carente de concertos musicais como os levados ao público nesta noite, sendo assim, elaboramos um projeto que pudesse aproximar a população desse fantástico mundo musical, resgatando a música popular brasileira de uma forma singular – orquestrada. Certamente, foi uma apresentação inesquecível aos que acompanharam a exposição do quarteto, que apresentou um repertório rico em canções que marcaram épocas”, enalteceu Ivone.

O concerto cultural Acordes da Amazônia terá outras duas apresentações no Estado, sendo a próxima no dia 25 de agosto, em Alta Floresta D’Oeste, e a conclusão em Porto Velho, em 22 de setembro de 2011.
Postar um comentário