terça-feira, 6 de dezembro de 2011

De Aracaju a Vitória, destaques de oito capitais além do eixo Rio-SP

Aracaju (SE)
No dia 5, o Teatro Tobias Barreto recebe o espetáculo “Da Câmara ao Jazz”, com o Duo Euterpe (Francesco Mannis, flauta. Elena Gasulla, piano). Em 7 de dezembro, é vez da apresentação da Orquestra Sinfônica do Sergipe (ORSSE), no mesmo espaço. Sob a regência de Guilherme Mannis, o grupo toca obras de Johann Strauss Jr. (“Valsa do Imperador”) e Brahms (“Sinfonia N. 4, Op. 98, em mi menor”), além do “Concerto para piano e orquestra S.125A, em Mi benol maior N. 3”, de Liszt. O pianista Amaral Vieira será o solista.
Em dezembro, a ORSSE toca temas natalinos na Igreja Matriz de Nossa Senhora de Guadalupe, em Estância (dia 11) e na Igreja São José (dia 15), sob a batuta de Daniel Nery. Os concertos terão a participação do Coro Infantil da ORSSE.
De volta ao Teatro Tobias Barreto, a Sinfônica interpreta o oratório “Messias”, de Handel, no encerramento de sua temporada, nos dias 21 e 22. Entre os solistas, a soprano Gabriela Pace, o contratenor Marconi Araújo, o tenor Paulo Mandarino e o baixo Cláudio Alexandre. Também participam das apresentações os coros Sinfônico e Infantil da ORSSE, comandados por Daniel Freire. A regência do concerto fica por conta de Guilherme Mannis.
ORQUESTRA SINFÔNICA DO SERGIPE: www.orquestrasinfonica.se.gov.br
Belo Horizonte (MG)
No último mês do ano, a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais (OFMG) encerra sua temporada homenageando o centenário da morte de Gustav Mahler e os 200 anos do nascimento de Liszt.
Dia 6, o grupo mineiro sobe ao palco do Grande Teatro do Palácio das Artes, sob a regência de Fabio Mechetti, para interpretar a “Sinfonia N. 6 em lá menor (Trágica)”, de Mahler.
No mesmo local, a Filarmônica de Minas apresenta seu último concerto do ano no dia 15. Com regência de Fabio Mechetti, presenças da pianista Vanessa Cunha e do tenor Martin Muehle e com a participação do elenco masculino do Coral Lírico de Minas Gerais, a orquestra celebra a música de um dos maiores pianistas da história: Franz Liszt. No programa, o “Concerto para piano e orquestra N. 1 em Mi bemol maior” e a “Sinfonia Fausto”.A Sala Juvenal Dias, no Palácio das Artes, recebe recital gratuito de formatura de alunos da Escola de Música do Centro de Formação Artística da Fundação Clóvis Salgado (CEFAR). A apresentação acontece no dia 1º e contará com formandos dos cursos de canto, clarinete, violão, e viola de orquestra. No programa, Lecuona, Debussy, Mozart, Leo Brouwer, Mozart, Villa-Lobos e Puccini.
A música clássica em Belo Horizonte também será destaque na Sala Sergio Magnani, na Fundação de Educação Artística. No primeiro sábado do mês (03/12), a Orquestra da Escola de Música Criarte apresenta o espetáculo gratuito “Manhãs Musicais - O Piano do Desassossego”. No dia seguinte, haverá recital com os músicos Luciane Cardassi (piano), Elise Pittenger (violoncelo) e Fernando Rocha (Percussão). A sala também recebe concertos da Orquestra de Sopros da FEA (dia 10) e do pianista Luiz Gustavo Carvalho (dia 11).
No dia 20, a Fundação de Educação Artística promove concerto de Natal na Catedral da Boa Viagem, com a participação do Coro Madrigale, comandado por Arnon Oliveira, e acompanhado por Mauro Chantal, ao piano. No programa, “Magnificat”, de John Rutter, “The Lord’s prayer”, de Albert Mallote, e peças de Gounod, Irwin Berlin e Carlos Alberto Pinto Fonseca.
Pelo projeto “Sinfônica Pop”, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, sob a regência do maestro Roberto Tibiriçá, recebe o cantor Aggeu Marques e a banda Yesterdays. A apresentação acontece dia 2 de dezembro, no Grande Teatro do Palácio das Artes, com participação especial do Coral Voz & Cia. O repertório da noite contará com clássicos dos Beatles. O objetivo do Sinfônica Pop é o de aproximar os apaixonados pela Música Popular Brasileira do universo dos concertos sinfônicos.
ORQUESTRA FILARMÔNICA DE MINAS GERAIS: www.filarmonica.art.br
ORQUESTRA SINFÔNICA DE MINAS GERAIS: www.fcs.mg.gov.br/grupos-profissionais/82,,orquestra-sinfonica.aspx
FUNDAÇÃO DE EDUCAÇÃO ARTÍSTICA: www.feabh.org.br/
Brasília (DF)
Em Brasília, destaque para o concerto do Duo Krug-Vanzella na Casa Thomas Jefferson - Asa Sul. No dia 2, a violinista Maria Fernanda Krug e a pianista Patrícia Vanzellatocam gratuitamente pela série “Sextas Musicais”.
CASA THOMAS JEFFERSON: www.thomas.org.br/

Curitiba (PR)
Abrindo o mês na capital paranaense, a Orquestra Sinfônica da Embap toca, dia 1º no Canal da Música (R. Júlio Perneta, 695 – Mercês). O programa terá duas obras de Beethoven: “Concerto para violino e orquestra em Ré maior, Op. 61”, com solos de Adriano Vargas, e “Sinfonia N. 4, em Si bemol  maior Op. 60”.
A Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba faz ensaio aberto, dia 1º, na Capela Santa Maria. O grupo estará ensaiando um programa especial dedicado à música latino-americana. Na ocasião, o regente chileno Victor Hugo Toro também conversa sobre música com o público.
Nos dias 2 e 3, a orquestra toca pra valer, na Igreja Bom Jesus e n Capela Santa Maria Espaço Cultural, respectivamente. No programa, “3 Visiones de un Sikuris Aracameño”, de C. Zamora;  “Fuga con Pajarillo”, de A. Romero; e “Concerto para cordas, Op. 33”, de Ginastera. Destaque também para o solo do violoncelista paraibano Raïff Dantas no “Concerto para violoncelo e orquestra, Op. 53”, do compositor cearense Liduíno Pitombeira.
A Capela Santa Maria recebe outras atrações clássicas em dezembro. No dia 4, Orquestra Suzuki (da“Associação da Educação do Talento Musical do Paraná” - AETMP ) apresenta o espetáculo “Crianças para Crianças em Concerto Natalino”. O concerto de Natal deste ano traz no repertório músicas tradicionais natalinas, além de peças da música clássica. O ingresso será um brinquedo que será doado para as instituições Acridas e Projeto Dorcas.
A série “Ópera Ilustrada” apresenta “La Serva Padrona”, de Pergolesi, nos dias 9, 10 e 11. Destaque para a participação da soprano Diana Daniel e do barítono Sérgio Oldair dos Santos. A direção musical fica por conta de Alessandro Sangiorgi e Roberto Innocente assina a direção cênica.
No dia 9, a Orquestra Sinfônica do Paraná faz concerto no Canal da Música. Sob a regência do maestro alemão Hans-Peter Frank, a OSP apresenta obras de Wagner, Bruckner e Harry Crowl. O espetáculo contará com a participação da mezzo-soprano curitibana Ariadne Oliveira na interpretação da obra “Vox amazoniae” composta a partir do poema “Sugestão”, de Thiago de Mello.
Em 16 de dezembro, a Camerata Antiqua de Curitiba promove ensaio aberto, seguido de conversa sobre música com o Regente Wagner Polistchuk. No mesmo dia, e nos dois dias seguintes (17 e 18) o conjunto interpreta obras de Dimitri Cervo, Liduíno Pitombeira, Júlia da Costa, S. Prokudin, S. McIntosh e M. Frisina. O concerto de encerramento da temporada terá regência de Wagner Polistchuk e contará com a participação da soprano Natália Áurea e de Clenice Ortigara (órgão, piano e cravo).
A Orquestra Sinfônica do Paraná faz concerto no Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto – Guairão, no dia 18. Sob a batuta de Marcio Steuernagel, a Sinfônica toca “Ceremony of Carols”, de Britten; o segundo movimento da “Sinfonia N. 9 (Do novo mundo)”, de Dvorák; “Capricho Espanhol Op. 34”, de Rimsky-Korsakov; e “Medley Natalino”, de Brasolin. O espetáculo terá a presença do grupo vocal Papo Coral, comandado por Cristiane Alexandre, e do harpista Helio Leite.
EMBAP: www.embap.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE CURITIBA: www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br
ORQUESTRA SINFÔNICA DO PARANÁ:  www.teatroguaira.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=1
Recife, Olinda (PE), João Pessoa (PB)
No período de 06 a 18 de dezembro, acontece o 14ª VIRTUOSI – Festival Internacional de Música de Pernambuco que, pelo segundo ano consecutivo, se divide entre as cidades de Recife (Teatro de Santa Isabel), Olinda (Igreja da Sé) e João Pessoa (Igreja de São Francisco).
Em 2011, o VIRTUOSI homenageia os compositores Liszt e Mahler e traz grandes músicos para a sua programação. O festival também se destaca pelo foco na educação, promovendo master classes e dando início a uma nova atividade, o VIRTUOSI DIÁLOGOS – A Música Contemporânea no Nordeste – que consiste em uma série de conversas com compositores nordestinos, como Antonio Madureira, Eli-Eri Moura, Liduino Pitombeira, Nelson Almeida, na Livraria Cultura, com apresentação de obras dos mesmos pelo grupo Sonantis.
Toda a programação do XIV VIRTUOSI será gratuita. A abertura do evento será em Olinda (PE), na Igreja da Sé, no dia 10. Na ocasião, o violoncelista Leonardo Altino apresenta pela primeira vez no nordeste as Seis Suítes de Bach para violoncelo solo. No dia seguinte – ainda em Olinda – haverá concerto com o grupo Cellos da UFRN & Percumpá, o conjunto dinamarquês Arild Kvartetten e o octeto alemão Trombone Unit Hannover.
Na Igreja de São Francisco, em João Pessoa (PB), o Trombone Unit Hannover interpreta obras de Handel, Crespo, Derek Bougeois, Saskia Apon e Daniel Schnyder,  no dia 13. Em 16 de dezembro, o espetáculo fica por conta do grupo francês Le Quatuor Caliente, especialista na música do compositor argentino Astor Piazzolla.
Em Recife (PE), o Teatro de Santa Isabel recebe duas séries. A série “Salão Nobre” acontece de 13 a 16 de dezembro e abre seu programa com o lançamento do CD “POEMA” do violoncelista Leonardo Altino, que traz a obra completa para violoncelo do compositor pernambucano Marlos Nobre. A programação segue com a apresentação do Quinteto da Paraíba. No dia 14, é a vez do cravista Ronan Khalil e da mezzo-soprano Maïlys de Villoutreys que interprertam obras barrocas. Nos dias 14, 15 e 16 será também apresentado o Ciclo Brahms com os pianistas Victor Asuncion e Peter Laul, os violinistas Simon Gollo e Benjamin Sung, o violista Rafael Altino, o violoncelista Ingemar Brantelid, o trompista Luiz Garcia e Arild Kvartetten, o Ensemble São Paulo e o clarinetista Carlos Rieiro.
A Série Vicente Fittipaldi começa no dia 13 e recebe as principais atrações do festival. O concerto de abertura reúne a Orquestra Virtuosi sob a direção do Maestro Rafael Garcia. O programa terá cinco concertos para violino e orquestra de Vivaldi, tendo como solista o violinista francês de origem russa Anton Martynov. Em seguida, o trombonista Christian Lindberg apresenta sua obra “Ero Arctic” para trombone alto e orquestra de cordas. Em 14 de dezembro, o Trombone Unit Hannover volta a tocar no festival, desta vez pela série Vicente Fitipaldi e com a participação do trombonista sueco Christian Lindberg. Seguindo a programação da séria, o festival oferece, no dia 15, um programa com obras de Christian Lindberg, Friedrich Gulda e Liszt. Destaque para a participação do violoncelista Leonardo Altino e do pianista Peter Laul.
No dia 16, tem inicio o II VIRTUOSI PELA PAZ. A maratona musical inicia com apresentação da “Cantata Bruta” (Didier Guigue, Eli-Eri Moura, J. Orlando Alves, Marcílio Onofre, Valério Fiel e Wilson Guerreiro) pela Orquestra de Câmara da Cidade de João Pessoa – OCCJP, Coro Sonantis, solistas, declamadores e sons eletrônicos, sob a regência de Eli-Eri Moura. No dia seguinte, a maratona musical segue com o recital do violinista Benjamin Sung (EUA) seguido pelo Duo Inviolata (Dinamarca), da pianista Jihye Chang (Coréia), do acordeonista Alexander Hrustevich (Rússia) e apresentação dos “Quartetos para piano e cordas” de Gustav Mahler e Brahms, com Victor Asuncion (piano), Anton Martynov (violino), Rafael Altino (viola) e Leonardo Altino (violoncelo).
Gustav Mahler será homenageado no dia 17, com a apresentação de sua “Das Lied Von der Erde” (A Canção da Terra). Destaque para a presença dos russos Alexander Timchenko (tenor) e Regina Rustamova (mezzo-soprano), ambos do Teatro Mariinsky de São Petersburgo.
No enceramento do festival, dia 18, haverá concerto da Orquestra Meninos do Coque, seguido de homenagens a Liszt com os pianistas Victor Asuncion, Jihye Chang e Peter Laul. Para encerrar a programação, uma apresentação do grupo Le Quatuor Caliente.
VIRTUOSI: www.virtuosi.com.br
Porto Alegre (RS)
Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA) toca, no dia 6, no Salão de Atos da UFRGS. Sob a batuta de Manfredo Schmiedt, o grupo interpreta “Carmina Burana”, de Carl Orff. Também participam do espetáculo o Coro Sinfônico da OSPA o os solistas Carla Maffioletti (soprano), Eduardo Bighelini (tenor) e Francis Padilha (barítono).
Também no dia 6, haverá concerto com a Banda Municipal de Porto Alegre. O conjunto toca um repertório de clássicos populares no Teatro Renascença, com entrada franca. A regência será de André de Oliveira.
Pela série “Musical Petropar”, o Teatro São Pedro recebe o Coral Zemer (dia 7) e o pianista André Carrara (dia 14).
ORQUESTRA SINFÔNICA DE PORTO ALEGRE: www.ospa.org.br
THEATRO SÃO PEDRO: www.teatrosaopedro.com.br/tsp/novo
BANDA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE: www2.portoalegre.rs.gov.br/smc/default.php?p_secao=116
Salvador (BA)
Em dezembro, dois concertos da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) no Teatro Castro Alves. Pela série “Glauber Rocha”, o conjunto toca Vivaldi, E. Widmer e Piazzolla, sob a regência do maestro Carlos Prazeres, no dia 7. O concerto terá a participação dos solistas Felipe Prazeres (violino), Hugo Pilger (violoncelo), Lucas Robatto e Fernando Pacifico (flautas).
Em 15 de dezembro, a OSBA celebra o Natal com concerto especial. O maestro Carlos Prazeres estará à frente da orquestra, que terá como convidados o jovem pianista catarinense Pablo Rossio. No programa da noite, a abertura da ópera “As bodas de Fígaro” e o “Concerto para piano e orquestra N. 17 em Sol maior, K. 453”, de Mozart; “O Quebra Nozes – Suíte N. 1, Op. 71A”, de Tchaikovsky; “Adeste Fideles”, de compositor anônimo; “O Danúbio Azul, Op 314” e “Tritsch-Tratsch-Polka, Op. 214”, de J. Strauss Jr; “Ohne Sorgen”, de J. Strauss; e “Noite feliz”, de F. Gruber.
ORQUESTRA SINFÔNICA DA BAHIA (OSBA): http://www.tca.ba.gov.br/02/05coest/02osba/index.html
Vitória (ES)
No primeiro dia do mês, a Orquestra Filarmônica do Espírito Santo (Ofes) toca no Santuário de Vila Velha, sob a regência de Helder Trefzger. Com participação da soprano Laura de Souza, do barítono Lício Bruno e do Coro Sinfônico da FAMES – regida por Sanny Souza – o grupo interpreta o “Réquiem Alemão” (Ein Deutsches Requiem, Op. 45), de Brahms
Pela série “Espírito Santo”, de concertos itinerantes, a Ofes faz apresentação na Igreja Matriz Paróquia Santíssima Trindade, em Marataízes, no dia 8. O concerto terá a participação do violinista Daniel Guedes, da flautista Samanta Adriele e do trompista Ricardo Ferreira Lepre, em obras de Mozart, Beethoven, Saint-Saëns, Vivaldi, Pugnani/ Kreisler, Ivanovici e J. Williams. A regência será de Helder Trefzger.
ORQUESTRA FILARMÔNICA DO ESPÍRITO SANTO: www.secult.es.gov.br/?id=/espacos_culturais/hotsites/ofes/capa
TODA A PROGRAMAÇÃO ESTÁ SUJEITA A ALTERAÇÃO. É RECOMENDÁVEL CONFIRMAR COM OS REALIZADORES ANTES DE SAIR DE CASA.
Postar um comentário