terça-feira, 27 de novembro de 2012

Dulci Irene – Voz Ativa 15 anos



Definir o papel da Dulci no Voz Ativa é tarefa complexa, a um só tempo era pianista, cantora e colaborava ativamente na Administração, no entanto o que sempre chamou mais atenção en sua passagem pelo projeto foi uma excepcional capacidade de unir o grupo.
Seu sempre bom astral era totalmente desmantelado se algum cantor tivesse alguma posição ou fala que colocasse o projeto em lugar que julgava impróprio. Vestiu a camisa e brigou para que as coisas andassem de modo  que o que semeávamos naquele momento desse frutos.
Na sua sinceridade invejável, mas por vezes incompreendida, manifestava-se de maneira surpreendente colocando de maneira direta o que era para ser falado, o que lhe atribuiu um respeito informal a sua figura.
Dulci é uma artista que precisa da arte, desde tenra idade tomou gosto pela música e o piano sempre foi sua paixão. Filha de pastor a família não tinha condições, na ocasião em que iniciou seus estudos, de comprar o instrumento, motivo pelo qual teve que parar. Mas não desistiu, após o curso de Educação Física iniciou suas atividades como professora e  com o dinheiro de seu trabalho comprou um piano e voltou a estudar no Conservatório Villa Lobos da Fundação Instituto Tecnológico de Osasco. Em sua grade havia a matéria canto coral, momento em que se apaixonou por participar do grupo, visto que o contato com esta manifestação foi muito cedo, pois o pai também era regente de corais, função que naquele tempo normalmente os pastores acumulavam.
Sua ativa participação durante aproximadamente 13 anos no grupo foi de fundamental importância na formação da estrutura e da personalidade do Voz Ativa.
Sua figura ainda hoje é intimamente ligada com o grupo, pois mesmo depois de abandonar suas tarefas no grupo por motivos profissionais, em nenhum momento deixou de participar das atividades que podia atender.
Na realidade nunca abandonou o projeto efetivamente, parou de exercer a função de pianista e cantora para assumir o cargo de produtora, função que conseguia ter concomitantemente com suas atividades profissionais.
Sua personalidade forte e sua incontestável competência como professora impões respeito e, dado sua maneira fácil de se aproximar das pessoas, cria um vinculo de amizade com quase todos que a conhecem.
Não há como separar a Dulci da trajetória do grupo, esta desde o primeiro ensaio com a gente e é sem dúvida uma das mais significativas figuras do Voz Ativa Madrigal.
Sua colaboração, sempre presente nos faz reconhecer que em sua participação não teríamos caminhado juntos por todos esses anos. Esperamos não sermos privados de tão importante colaboração e participação a fim de que possamos colher juntos o que com muito trabalho plantamos.
Obrigado Dulci Irene, não só por tudo o que fez e faz por nós, mas principalmente por ser quem é. O Voz Ativa volta seu olhar para você e reconhece sua grandeza dentro do projeto. 
Postar um comentário